Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Essa é a seção para conversas gerais sobre RPG, que não são sobre um sistema específico, ou se aplicam a vários sistemas.

Moderador: Moderadores

Avatar do usuário
ronassic
Administrador
Mensagens: 1776
Contato:

Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#1 » 01 Nov 2011, 11:13

Houve uma questão levantada em outro tópico sobre como seria a melhor forma de introduzir portadores de deficiência no RPG, eu tenho alguma pequena experiência nisso, já que tenho um amigo de infância que joga comigo, e resolvi abrir este tópico para discutirmos esse assunto que é muito importante.

Há algumas iniciativas que inclusive usam o RPG como ferramenta de aprendizado para pessoas com deficiência auditiva, li isso neste artigo e achei muito interessante:

http://www.faperj.br/boletim_interna.phtml?obj_id=2671

Pesquisadores do Departamento de Artes e Design da PUC-Rio a estabelecer em 2003 uma parceria com o INES (Instituto Nacional de Educação de Surdos) para estudar o uso do RPG na educação de surdos. Vou procurar saber com alguns amigos e parentes que trabalham e estudam lá se ainda existe essa iniciativa. Uma coisa que muitos não sabem, mas há cursos de LIBRAS gratuito lá no bairro das Laranjeiras, e acredito que em muitos outros lugares do Brasil. Eu trabalhei numa empresa que inclusive empregava dezenas, senão centenas de portadores de algumas necessidade especial, e eles usam LIBRAS o tempo todo como linguagem padrão, eu pretendo arrumar um tempo para aprender isso, e talvez ajudar mais o meu amigo, incentivando-o a aprender também, já que ele nunca se animou.

O que temos feito, é usar laptops, ele fica no chat e eu também, quando tem um outro jogador disposto a ajudar, ele fica sempre no chat com o Marcelo (que é o meu amigo que é surdo), e explica tudo que está acontecendo em tempo real.

Seria legal se todos soubesse LIBRAS, mas não é o caso, na verdade ninguém sabe, nem que fosse o básico, já adiantaria muito a comunicação, mas estamos nos virando assim, tenho procurado desenhar mais também, porque descrever apenas não é o suficiente, tenho que usar mais imagens, antigamente eu não mostrava qual era o monstro ou mesmo qual era o lugar que eles teriam chego, agora tenho me esforçado mais para mostrar isso.

Conheço um episódio do nerdcast que é sobre cegos, e ele é jogador de RPG e é bem interessante este episódio, quem for cego pode aprender muito com o exemplo do LUCAS RADAELLI (@lucasradaelli).

http://jovemnerd.ig.com.br/nerdcast/ner ... -e-loucos/

No caso, comentaram que um jogador com essas dificuldades, poderia inclusive fazer seus personagens com as mesmas deficiências, acredito que não seja necessariamente uma regra, se ele desejar fazer, que seja da vontade dele, não vejo motivação alguma, mas se ela quiser, é escolha dela. Se eu fosse cego, não iria querer fazer um personagem cego só porque eu seria cego.

O RPG é muito interessante para aproximar mais da sociedade os portadores, pois já são muito estigmatizados, e muitas vezes acabam se isolando, então acho muito importante fazer um pequeno esforço para trazê-los para nosso meio, ao invés de afastá-los. É uma motivação a mais para eles inclusive, pois é algo muito divertido, e é sempre bom estar com os amigos. Só jogar video-game não é suficiente, não aproxima tanto quanto o RPG.
"O topo da inteligência é alcançar a humildade."

Avatar do usuário
Own_mystical
Mensagens: 448

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#2 » 01 Nov 2011, 11:19

A iniciativa é sensacional.
A idéia do Laptop é massa. Simples demais e facinho de usar.

Legal mesmo.

Avatar do usuário
Filho_De_Set
Mensagens: 52
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#3 » 01 Nov 2011, 11:27

Sério isso?
O cara joga na mesa sendo surdo? Deste modo? Realmente é algo a se aplaudir. O grupo o aceita bem?
Como fica a questão da dinãmica?

A digitação não corta nada não? Tipo o climax?

:victory:

Avatar do usuário
ronassic
Administrador
Mensagens: 1776
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#4 » 01 Nov 2011, 13:54

Valeu!

Corta não, e é simples sim. inclusive ninguém se incomoda, o Rodrigo Lacerda até virou o digitador oficial...
Na verdade o Marcelo é que incomoda mais do que qualquer um... Mas acho que só eu noto isso, pois conheço ele há muitos anos, estudamos juntos desde o CA (ainda existe isso?).
Ele muitas vezes falta, e fica em casa jogando XBOX. Já dei muita bronca nele.... :)

As fotos:

Imagem

Imagem
"O topo da inteligência é alcançar a humildade."

Avatar do usuário
Filho_De_Set
Mensagens: 52
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#5 » 01 Nov 2011, 14:30

Rapaz... é preciso mesmo digitar rápido hein?
E que fotos... :hum:

Mas ele falta porque? É a dificuldade?

Avatar do usuário
ronassic
Administrador
Mensagens: 1776
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#6 » 01 Nov 2011, 15:24

Rápido nem tanto, pq geralmente se sintetiza a informação, né?

Acredito que sim, pois marco e ele confirma a presença, mas em cima da hora às vezes faltava, tipo 50% das vezes...
"O topo da inteligência é alcançar a humildade."

Avatar do usuário
Bozo
Mensagens: 302

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#7 » 01 Nov 2011, 15:30

Só o fato de tentarem é muito comovente. Para o cara deve dar uma sensação de participação. Já ouviram dele algo? Ele já demostrou o retorno?
Deve ser difícil mesmo. Uns amigos aqui de Campinas já mostraram desejo de colocar um mudo para jogar neste tom aí.
A idéia do LOP TOP é melhor que o bloquinho pois acho que dará maior velocidade e iberdade de interação entre o mestre e o jogador.

Avatar do usuário
GenghisRei
Mensagens: 78
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#8 » 02 Nov 2011, 13:19

Tá eu sei, hoje é feriado e tal e é uma nerdice do cacet.. ficar aqui na internet mas este tópico me chamou a atenção e merece um parabéns com bolo e tudo.

Não conheço nenhum grupo que jogue com alguém que tenha necessidades especiais e esta aí é uma prova de que dá certo.
Acho que o tempo do jogo deve ficar um poquinho mais lento, mas afinal o RPG é interpretação ou não é?

Mandaram bem.

Avatar do usuário
DragonSun
Mensagens: 466
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#9 » 02 Nov 2011, 21:52

Mostrei a iniciativa hoje para a minhlera galera do DragonAge.
Os caras mandaram os parabéns a todos os envolvidos. Aliás, grupo grande hein?

martivir thurirl

Avatar do usuário
Hugo-Justo
Mensagens: 111

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#10 » 03 Nov 2011, 11:07

Senhores, este exemplo é único na minha experiência de conhecimento. Nunca ouvi nada a respeito da participação de portadores de deficiência em mesas de jogo. Esta é a primeira vez que vejo imagens e um relato direto. E acho interessante demais,

Este deve aliás ser um dos argumentos mais vivos e defendidos pelos RPGistas juntos a alguns detratores. Um ganho substancial para os argumentos positivos. Eu sugiro inclusive Ronassic, que já que você possui tal experiência, que produza um artigo esclarecedor, com idéias de aplicação para estes casos e resultados obtidos.

Mostrar que é possível é engrandecedor para o hobbie.

Hj

Avatar do usuário
ronassic
Administrador
Mensagens: 1776
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#11 » 03 Nov 2011, 11:27

Valeu galera, realmente é muito gratificante ver essa galera interagindo. Eles são ótimos!

Há um participante oculto, que vive pedindo para eu calar a boca.

Eu devo fazer algumas mudanças para melhorar essa interação, para que os outros jogadores possam se comunicar mais rapidamente com ele e vice-versa, mas vai demandar dinheiro e pesquisa, estou tentado a comprar um tablet, ele já tem um, assim vai ajudar muito e outras áreas também, não só na comunicação com ele. Com um tablet, todos podem pegar na hora o troço e escrever algo para se comunicar. Melhor do que ficar teclando no laptop. Eu preciso mesmo desse bicho caro, pois meu projeto de conclusão de curso é criar um jogo para smartphones e tablets com Android.

Eu curto grupos de 5 - 8 jogadores, no máximo, mais que isso vira bagunça e lá em casa não dá espaço mesmo...
Tenho um jogador que só gosta de grupos pequeno, tanto que ele nessa campanha só fez uma participação especial e não foi nas outras sessões.

Boa ideia HJ, vou começar a escrever um artigo, obrigado!
"O topo da inteligência é alcançar a humildade."

Avatar do usuário
FoxMountain
Mensagens: 259

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#12 » 03 Nov 2011, 11:41

Ronassic, participante oculto = Allef? Huahuahuauhahuhauuhaa. :hum:
Deixa eu ver se entendi. Você quer que o grupo use o tablet? Bem, na minha mesa de jogo visto já rola para o mestre passar recados individuais, mostrar imagens, etc....

Pode vir sim a dar velocidade a sua mesa. Mas se ele já têm, basta um ué. Aplique! :tsc:
E quanto ao número de jogadores, poxa, acho essa a base de todo mundo não? Mais de 6 é meio caótico. Aliás, dava um novo tópico.

Avatar do usuário
ronassic
Administrador
Mensagens: 1776
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#13 » 03 Nov 2011, 15:15

Não quero tirar da mão dele, pois ele irá usar sempre e muito, já os outros nem sempre vão usar, e ter mais um para eles, acho que seria o mais interessante, e eu vou ter que pegar mesmo um tablet. Devo comprar ainda esse mês, pois estou atrasado já com o trabalho de conclusão, não quero que isso me atrase ainda mais, pois já estou testando o jogo no celular, falta testar no tablet.

Postei lá nesse outro tópico sobre quantidade de jogadores no grupo:
viewtopic.php?f=11&t=7431&p=240790#p240790
"O topo da inteligência é alcançar a humildade."

Avatar do usuário
Allefcapt
Mensagens: 2340
Contato:

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#14 » 04 Nov 2011, 11:57

Olá a todos,
Sou testemunha deste esforço louvável em promover a interação de um jogador com essa limitação com um grupo de jogo experiente até.
O Ronassic inovou ao chamar esse nosso amigo e o grupo o aceitou de imediato.

Ao longo das sessões foi tentado o contato e a comunicação gestual, o que gerava ao grupo um ônus em relação ao tempo. Depois a escrita em blocos e pedaços de papel foi utilizada, mas o próprio jogador não se sentiu confortável e problemas como letra, expressões e direcionamento de idéias. Por fim se optou pela uso do computador. Isto acabou demandando um ajudanta para o mestre que tinha a tarefa de manter as informação do que ia ocorrendo na cena narrada pelo mestre em tempo real para o jogador.

Funciona com um pequeno LAG de tempo.

Agora a idéia do uso dos Tablets claro, dará maior velocidade.

Eu observo a idéia e a prática como um grande aprendizado para todos,
Abraços,
"É o seu navio que faz o porto.
Lance ferros com sabedoria"

Twitter: @allefcapt / @spell_net
Diários do Capitão Allef: https://www.facebook.com/rodrigoallef.nunes
Aventura: http://www.alqadim.blogger.com.br/index.html

"Todo o homem é culpado do bem que não fez." Voltaire

Avatar do usuário
Erick-Ruivo
Mensagens: 145

Re: Jogando RPG com portadores de necessidades especiais

Mensagem#15 » 04 Nov 2011, 14:16

Pô, o cara é que têm que ter paciência com vocês também por tentarem colocar ele no jogo.
Acho a idéia do teclado perfeitaça para isso.

Poderiam inclusive arrumar um novo cara só para isso, tipo um relator. Já pensaram nisso?

Voltar para “Dicas & Ideias”

Quem está online

Usuários neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante