Ministério da Justiça debate classificação do RPG

Discussão sobre aspectos culturais, religiosos, comportamentais e educacionais do RPG, a popularização do jogo e o combate ao preconceito.

Moderador: Moderadores

Avatar do usuário
Allefcapt
Mensagens: 2340
Contato:

Ministério da Justiça debate classificação do RPG

Mensagem#1 » 15 Dez 2010, 13:58

Olá a todos,

Pela portaria vigente, jogos de RPG, mesmo não sendo parte do grupo de obras audiovisuais como são os jogos eletrônicos, devem ser classificados.

O que vocês pensam sobre isso? Jogos de RPG devem passar pela Classificação Indicativa?
Podem opinar e deixar seus comentários também no portal da Cultura Digital ligado ao Ministério da Justiça que promove o debate ABERTO ATÉ O DIA 18 DE DEZEMBRO.

http://culturadigital.br/classind/blog#2187

Abraços,
"É o seu navio que faz o porto.
Lance ferros com sabedoria"

Twitter: @allefcapt / @spell_net
Diários do Capitão Allef: https://www.facebook.com/rodrigoallef.nunes
Aventura: http://www.alqadim.blogger.com.br/index.html

"Todo o homem é culpado do bem que não fez." Voltaire

Avatar do usuário
Lumine Miyavi
Mensagens: 6366
Contato:

Re: Ministério da Justiça debate classificação do RPG

Mensagem#2 » 16 Dez 2010, 09:10

Onde no futebol se fala sobre armas, demônios, sugar alma, morte e outros temas violentos?


No futebol carioca. Rapaz, flamengo...

----

Eu não acho que uma classificação etária (e não uma restrição ou censura) seja necessária, justamente para indicar que certos RPGs não são pra todo mundo.
ImagemImagemImagem
Let's Play de FF8! \o\ Adaptações do Lumine! [d20!]
Cidadeando o Tarrasque!
Blog do Lumine, PhieLuminando!
Avatar Atual: Lumine, Mega Man X
[lumine]Nível de fabulosice[/lumine]: >[lumine]8000[/lumine]
Não, suas opiniões não estão certas. Não são as minhas. ♥

Leisses
Mensagens: 579

Re: Ministério da Justiça debate classificação do RPG

Mensagem#3 » 16 Dez 2010, 09:47

Não vejo muito problema em classificação etária. Na verdade é até uma vantagem em alguns casos, pois os pais vão olhar para aquele livro com um monstrengo na capa sem qualquer indicação se é ou não apropriado para seu filho e vai simplesmente escolher "outro brinquedo" que demonstre ser mais adequado.

----

E o futebol paulista é mais violento rapaz...ó o Curintia.

Avatar do usuário
Myako Lumine
Mensagens: 586
Contato:

Re: Ministério da Justiça debate classificação do RPG

Mensagem#4 » 16 Dez 2010, 13:52

Acho que o aviso é válido e, mais do que isso, extremamente vantajoso.

1 - Ninguém - a partir do momento que tal aviso for colocado nos livros - vai poder reclamar que o filho de oito anos está jogando algo violento: o aviso estava lá o tempo "todo".

2 - Na hora de escolher se deve, ou não, dar o livro de presente, a classificação ajuda para confirmar - ou desmentir - o horror contido na capa e, possivelmente, dentro do livro.

3 - Existem RPGs cujo tema - ou a forma como ele é abordado - não é, de fato, recomendado para menores de 18 anos - ou, ao menos, não perante a lei - e essa classificação iria manter, teoricamente, os desavisados longe.
"Estou nessa joça há nove anos e por mais que eu xingue, reclame, despreze, sempre volto. Porque no final das contas, não importe por onde você rode nesse mundo internético, não encontrará local mais engraçado, insano, plural e possível de ter debates de qualidade com pessoas ridiculamente diferentes."
- Sampaio


Voltar para “RPG & Sociedade”

Quem está online

Usuários neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante